Copa Brasil Maricá de Futevôlei 2019 agita a orla de Itaipuaçu

Maricá recebeu no último fim de semana (18/05 e 19/05), a 4ª Etapa do Circuito Brasileiro de Futevôlei. A iniciativa, com apoio da Prefeitura, por meio da Secretaria de Esporte e Lazer, em parceria com Associação Maricaense de Futevôlei (AMAF), foi realizada na Praia de Itaipuaçu e contou com a participação dos melhores atletas do Brasil filiados à Confederação Brasileira de Futevôlei (CBFv) nas categorias feminino e masculino.

Ao todo 40 duplas profissionais e 16 amadoras se enfrentaram nos dois dias do evento que pelo quarto ano consecutivo acontece no município.

Na final masculina profissional, disputada no domingo (19), Hiltinho e Franklin, de Maceió, foram os grandes campeões. Já na final feminina profissional, disputada no sábado (18), a dupla Lana (de Brasília) e Josy (do Rio) levou o título. No amador os atletas Ibson (de Maricá) e Ramon (de Cabo Frio) foram os grandes vitoriosos.

“Maricá hoje tem o maior campeonato municipal de futevôlei do país, só nos projetos da pasta são mais de 400 alunos praticando na cidade. Vamos continuar fomentando a prática de esportes e oferecendo à nossa população a maior variedade possível de modalidades. Não tenho duvidas de que um evento como esse serve de agente motivador para que cada vez mais o maricaense comece a praticar uma atividade física e tenha uma vida mais saudável. Além disso, todas essas ações buscam valorizar os atletas da nossa cidade”, analisou Filipe Bittencourt, secretário de Esporte e Lazer.

As cariocas Natália Guitler e Bianca Hiemer, campeãs em Maricá no ano passado e donas de um currículo vitorioso com 5 títulos brasileiros, 2 títulos sul-americanos, além de um vice-campeonato mundial, falaram da importância do campeonato de Maricá.

“Novamente Maricá realiza um evento de alto nível. São 12 duplas femininas com a participação das atletas mais importantes da atualidade e o mais legal é que tem muita dupla de fora do estado e isso faz com que esse campeonato seja um evento muito forte. É sem duvida é um dos melhores torneios que temos aqui no Rio”, avaliou Natália.

“Já temos 10 anos de dupla e estamos lutando para divulgar o esporte não só no Brasil, mas pelo mundo para que aumente o numero de mulheres presente no futevôlei e o trabalho feito em Maricá neste intuito está de parabéns”, elogiou Bianca.

Atletas profissionais, a dupla, Luís Diego, do Espirito Santo e Nem, de Fortaleza, elogiaram a organização do evento.

“Essa é a nossa primeira etapa juntos aqui em Maricá, mas o terceiro ano que jogo aqui e sempre sou muito bem recebido. O evento é de belíssima qualidade, de altíssimo nível técnico e a torcida está sempre presente, prestigiando os atletas e é isso que importa”, afirmou Luís.

“Estou muito feliz com nosso resultado. Como sempre a Prefeitura de Maricá e a organização do circuito estão fazendo um excelente evento. Essa é a terceira etapa que participo em Maricá e mais uma vez é uma grande festa”, elogiou Nem.

Acompanhado da família, Tiago de Barros, de 37 anos, morador de Itaipuaçu, comemorou a iniciativa da Prefeitura de levar para o bairro um evento esportivo de grande porte como a Copa Brasil Maricá de Futevôlei.

“Nós moradores ficamos muito felizes ao ver Itaipuaçu recebendo esse tipo de evento. É gratificante perceber como o nosso município está crescendo e tendo investimentos grandiosos como esse, principalmente no esporte que tem o poder de mudar vidas e transformar pessoas”, frisou Tiago.

Fotos: Marcos Fabrício

Maricá Já Play. A sua informação em apenas um click

Deixe uma resposta