Colégio Estadual Elisiário Matta: Contribuindo para a educação do povo maricaense

O Colégio Estadual Elisiário Matta está situado no Centro da Cidade e localizado
no 1o distrito, contribuindo com a formação educacional de inúmeras pessoas. A história
da instituição escola remonta à “Escola de Meninos do Professor Elisiário Matta”.
A Escola de Meninos, conhecida como “Escola do Professor Elisiário Matta”, foi
fundada na segunda metade do século XIX e funcionava na casa do professor Elisiário,
no centro da Vila de Santa Maria de Maricá. A instituição de primeiras letras era mantida
através de subsídios do governo imperial, tendo, inclusive, recebido a visita da família
real, demonstrando satisfação com o trabalho realizado por Elisiário. Até a segunda
metade do século XIX, a Vila não oferecia o ensino secundário em nenhuma de suas
instituições escolares e, por isso, o professor iniciou seus estudos na Escola Normal de
Niterói, permitindo-lhe, assim, oferecê-lo em seu estabelecimento de ensino. Elisiário
Matta, após anos de serviços prestados à população, faleceu em 19 de abril de 1915.
Como forma de homenagem ao importante professor, o primeiro grupo escolar
criado na cidade, no ano de 1923, teve o educador como seu patrono. A denominação
especial “Elisiário Matta” foi acrescida em 1926. As escolas públicas poderiam receber
“denominação especial”, uma forma de homenagear personagens ilustres da história local
e regional. A instituição funcionou em várias sedes e mudou-se sob a alegação de
justificativas diversas, como as fortes chuvas que destruíam os prédios ou por causa de
uma festa que o dono de um dos imóveis queria dar em sua propriedade.
Os grupos escolares eram conhecidos por seus prédios majestosos, construídos,
preferencialmente, nas capitais e nas cidades economicamente prósperas. A escola
deveria se destacar dentre as demais edificações, enaltecendo o regime republicano e seus
valores.
A construção do prédio adequado aos objetivos do grupo escolar só foi finalizada
no ano de 1933, na praça central da cidade, atualmente conhecida como Praça Orlando
de Barros Pimentel, local de moradia das elites e das classes médias, além de possibilitar
a visualização por um número elevado de pessoas, uma vez que o local possuía uma
circulação intensa. Sua importância decorre de ter sido o primeiro prédio construído na
cidade, próprio para as finalidades educacionais, em um terreno doado pela prefeitura,
sendo a edificação da escola de responsabilidade do governo estadual.
Os grupos escolares introduziram a figura do diretor, que era responsável pelas
funções administrativas da escola para organizar seu funcionamento, envolvendo alunos
e professores, a transmissão dos conteúdos e debates aprendidos em reuniões nas escolas
normais. A primeira diretora do Grupo Escolar “Elisiário Matta” foi a professora Cacilda
Teixeira Carvalho Silva, exercendo o cargo de 1923 a 1937.

O grupo escolar resultou da reunião de escolas já existentes no município,
contribuindo para uma alteração parcial da forma administrativa e organizacional da
educação primária. Levando-se em conta o modo como o campo de relações atuava no
desenho da educação escolar, é possível considerar a introdução desse formato como um
ganho para o município. Isso porque, a essa altura, a denominação “grupo escolar” já
adquirira um valor simbólico que conferia à localidade algum destaque.
Devido ao aumento do número de alunos, o Grupo Escolar recebeu a doação das
terras da Família Rangel para a edificação de sua sede definitiva, inaugurada no ano de
1955, pelo governador Miguel Couto Filho.
Em 1948, a Secretaria de Estado de Educação do Rio de Janeiro transformou a
unidade em “Escola Estadual Elisiário Matta”. Já no ano de 1986, elevou a categoria de
colégio, por causa da oferta de turmas de ensino médio.
O Colégio Estadual Elisiário Matta vem se dedicando a formação dos maricaenses
há décadas, contribuindo para o desenvolvimento social, educacional, econômico e
cultural da cidade, sendo um importante marco na história da educação de Maricá.

Professor Elisiário Augusto da Matta: fazendeiro e importante professor de Maricá
(Fotografia de Renata Toledo Pereira)
Antiga sede da unidade escolar. Nos dias atuais abriga o Hospital Municipal Conde
Modesto Leal. (Acervo: Maria Penha de Andrade e Silva / Sem data)
O primeiro grupo escolar de Maricá: “Elisiário Matta”
(Fonte: ESTADO DO RIO DE JANEIRO. Exposição feita ao Chefe do Governo
Provisório da República Exmo. Sr. Dr. Getúlio Vargas, pelo Interventor Federal,
Capitão de Corveta Ary Parreiras. Niterói, RJ: 1934.)
Desfile cívico dos alunos do Grupo Escolar Elisiário Matta, na rua em frente a antiga
Câmara Municipal, atual Casa de Cultura
(Acervo: Historiadora Maria Penha de Andrade e Silva / Década de 1940)
Antigo diário escolar do Grupo Escolar, com a assinatura de sua diretora, a Professora Cacilda Silva, referente ao ano de 1926
(Acervo: Renata Toledo Pereira / Pesquisa APERJ)

Equipe de Pesquisa:
Maria Penha de Andrade e Silva – Historiadora
Renata Gama –Arquiteta Urbanista
Renata Toledo Pereira – Mestre em Educação

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s